Era uma vez uma Lagoa

Pois é, já foram recolhidas 52 toneladas de peixes mortos na Lagoa Rodrigo de Freitas, aqui no Rio, local belíssimo onde serão disputadas as provas de remo e canoagem durante os Jogos Olímpicos de 2016. Diante de mais um vexame ambiental, só me resta assinar embaixo do desabafo do jornalista Aydano André Motta, em sua … Continuar lendo Era uma vez uma Lagoa

Fantasmagórico

O escritor e jornalista Ruy Castro, falando sobre a indiscutível praticidade das câmeras fotográficas digitais, indagou “para onde vão as fotos que as pessoas apagam? Elas “morrem”, eu sei, mas não podem apenas sumir. Têm de ir para algum lugar, talvez uma galáxia ou dimensão desconhecida. E, se for verdade o que diziam os antigos, … Continuar lendo Fantasmagórico

Apenas algumas mentiras

Quem mente mais, o homem ou a mulher? O homem, é claro e sem sentir o menor remorso! Bom, não sou eu que estou afirmando isso e sim os ingleses que tem tempo, gosto e dinheiro para financiar esse tipo de estudo. Resumindo o caso, a pesquisa mostrou que nós homens mentimos em média três … Continuar lendo Apenas algumas mentiras

As veias estão abertas

Eduardo Galeano se foi. Que pena, as veias do mundo estão cada vez mais abertas… oOo “Nossa derrota sempre esteve implícita na vitórias dos outros.Nossa Riqueza sempre gerou nossa pobreza por nutrir a prosperidade alheia: os impérios e seus beleguins nativos.Na alquimia colonial e neocolonial o ouro se transfigura em sucata,os alimentos em veneno. A … Continuar lendo As veias estão abertas

Um VLT em Amsterdam

Um assunto recorrente em Nova Friburgo ainda é a implantação do trem urbano, VLT ou bonde, como queiram. É caro, não é caro, é útil, é inútil, enfim, o projeto provocou discussões acirradas e acabou indo embora com as águas de janeiro. Algumas cidades do mundo, principalmente na Europa, adotam o sistema com enorme praticidade … Continuar lendo Um VLT em Amsterdam

A última pergunta

Um conto de Isaac Asimov A última pergunta foi feita pela primeira vez, meio que de brincadeira, no dia 21 de maio de 2061, quando a humanidade dava seus primeiros passos em direção à luz. A questão nasceu como resultado de uma aposta de cinco dólares movida a álcool, e aconteceu da seguinte forma. Continue … Continuar lendo A última pergunta